martedì 28 febbraio 2017

Criar a partir de um estado do Ser e não de um estado mental, acelera os resultados!

Imagem Google



O fluxo do conhecimento está indo na direção de uma realidade não-mecânica; o universo começa a parecer-se mais com um grande pensamento do que com uma grande máquina. A Mente já não parece ser um intruso acidental no reino da matéria, pelo que devemos antes venera-la como criadora e governadora do reino da matéria. Supere isso e aceite a conclusão indiscutível: O universo é imaterial-mental e espiritual” Sir James Jeans -

O mundo inteiro assiste hoje o alvorecer de uma nova consciência, de um novo poder e de uma inédita realização das risorsas presentes no interior do SER. O século atual produzirà um grande progresso, jamais registrado antes no campo do poder mental e espiritual.
Assim como as forças mais poderosas da Natureza são invisíveis, descobriu-se, também, que as energias mais poderosas de uma pessoa são as suas forças invisíveis, a força espiritual.

O pensamento é criativo, já sabemos. A energia de um só pensamento é capaz de acionar atividades nos nervos, cérebro e músculos. Basta nutrir um certo número de pensamentos sobre um argumento, para induzir uma mudança completa na organização fisiológica de uma pessoa. Esse é o processo através do qual o falimento se transmuta em sucesso e a doença em saúde.

Criar a partir de um estado do Ser e não de um estado mental.
Porém, quando você tiver um problema, tente não pensar sobre ele. Tente SER, simplesmente. Quando você entra na condição de SER, é quando você obtém os maiores insights, a intuição certa para a solução. É importante tentar parar de pensar, totalmente, de vez em quando.

O continuar pensando sobre o problema só faz atrair mais dificuldades.
Isso porque
o pensar é um processo criativo, enquanto o SER é um estado de consciência.
Se você pretende criar a tua felicidade, ou qualquer outra satisfação pessoal, pensar é o sistema mais lento de criação. Lembre-se, a mente deve ter dados para poder criar. O
Ser, pelo contrário, não precisa de nenhum dado. Isso ocorre porque os dados são uma ilusão. São algo que foi inventado, não algo que É.
Podemos criar a partir daquilo que é, ao invés da ilusão. Criar a partir de um estado do Ser e não de um estado mental. Não é possível encontrar nenhuma resposta rápida, se você se limita a pensar sobre o fato. Você tem que sair dos seus pensamentos, deixá-los para trás e avançar em direção ao Ser puro.

Todo gênio é taxado de "louco"! E de certa forma é verdade.
Um gênio não cria uma resposta, mas descobre que a resposta estava sempre lá.
Um gênio não cria soluções, encontra-as. E não se trata de uma descoberta, mas de uma recuperação.
O gênio não descobriu nada, ele só recuperou o que foi perdido.
Gênio é uma pessoa que se lembra de algo que todo mundo esqueceu.

Tudo existe no eterno presente. Todas as soluções, todas as respostas, todas as experiências e percepções. Você precisa somente tomar consciência de que tudo aquilo que você quer e tudo aquilo que você está procurando já foi criado. "Antes mesmo que me peças, creia que já foi respondido."
No entanto., você não pode alcançar um estado de consciência sobre tais coisas, limitando-se apenas a pensar sobre elas. Você não pode pensar consciente, pode somente SER consciente.

A Intuição tem o som da verdade!
Muitas das tomadas de decisões mais importantes na nossa vida, chegaram de forma intuitiva. Você reconhece logo que elas são verdadeiras, antes mesmo de saber o porquê ou como. Elas vêm de uma compreensão profunda que transcende as provas, a lógica, a razão e todos os outros instrumentos com os quais você procura determinar se algo é verdadeiro ou não, e logo, se é importante.

Às vezes você pode entender se algo é importante somente pelo som. Tem o "som da verdade." E essa percepção se encontra enterrada, profundamente, dentro da alma. Uma vez que você consegue percebê-la e viver como experiência, mesmo se momentânea, ficará claro a você que nada vindo do externo pode ser comparável ao que vem de dentro de você. Que nenhum sentimento proveniente de um estímulo ou de uma fonte externa é remotamente semelhante ao êxtase total da comunhão interior. É alí que você se recordará
Quem-Realmente-É e experimentará a sensação de que, realmente, você não precisa de nada que seja externo a você mesmo.
Ao adquirir esse conhecimento, você não vai mais procurar o teu ser através dos outros, mas escolherá fazer com que os outros possam conhecer-se através de você, e a tua definição de si mesmo se expandirá..

A consciência é um estado de ser.
Portanto, quando você estiver confuso ou em dúvida sobre alguma coisa, não afronte o problema com a mente. Se você tiver um problema, não o mentalize ". E quando você estiver rodeado de emoções negativas, nunca páre para pensar nelas. "Pensando" nelas, você estará obedecendo àqueles impulsos! Dirigindo a tua mente para elas, você está se deixando controlar.
Saia de sua mente, se torne “louco”.
Lembre-se, você é um Ser humano, não pensamento humano, por isso, procure entrar na dimensão do Ser. Em cada momento presente você É alguma coisa". E o que você sente a cada instante, te diz exatamente o que você está Sendo naquele momento.

As emoções nunca mentem. Elas não sabem mentir. Elas te dizem a cada instante aquilo que você É. O modo como você se sente, é a reação ao estado do teu Ser, naquele determinado momento. E você pode controlar. Você pode mudar o que você está sentindo, simplesmente mudando o seu estado de Ser. O "ser" é um estado em que você entra, não é uma reação.

O "Sentir" é uma reação, mas o "ser" não é.
Suas emoções são uma reação ao que você É, mas o seu SER não é uma reação a coisa nenhuma. É uma escolha.
A consciência é um estado de ser. E a partir deste estado, você pode escolher qualquer outro. Você pode ser sábio ou maravilhoso, tolerante, feliz, compreensivo, paciente e disposto a perdoar.
Para isso, você não precisa fazer nada. Basta simplesmente
SER. Não tente "fazer" a pessoa feliz. Escolha SER e qualquer coisa você faça, irá sair daquele estado que você escolheu.
Aquilo que vocé É vai originar o que você faz.
Nunca viu duas pessoas reagirem de forma bastante diferente para as mesmas circunstâncias? Você é quem determina o significado de qualquer coisa. Você é quem decide que significado dar a cada evento. Enquanto você não der um significado às coisas, o significado não existe.

Lembre-se: Nada tem um significado em si mesmo.
O sentido de cada coisa provém do seu estado de Ser. Você é que escolhe, a qualquer momento, de ser feliz ou triste, enraivado ou bem humorado, ou qualquer outro estado escolha.
Não se trata de uma escolha feita por alguém fora de você. A escolha é sua. E a maioria das vezes, escolhe de modo muito arbitrário.
Portanto, procure sempre escolher conscientemente!
Você pode escolher um estado de ser antes mesmo que qualquer coisa aconteça, da mesma forma que escolhe, depois que algo aconteceu.
Assim, você pode criar sua própria experiência, em vez de tê-la, de modo casual. Mas, lembre-se: o pensamento cria a realidade, por isso, se você criou uma realidade que você não gosta, não continue a pensar nela! Mude-a!
Nada é errado, se o pensamento não o determina que seja assim.
Pensar é Criar – Capitulo III

Fonte: Livro “Amizade com Deus” – Neale Walsch






martedì 21 febbraio 2017

Você é o ímã mais poderoso do Universo!



Dentro de você há uma força magnética mais poderosa do que qualquer outra coisa no mundo, e esta insondável e poderosa força magnética é emitida através de seus pensamentos. (The Secret)


O poder das Emoções
O poder emocional dos indivíduos ganha grande influência em todos os eventos que ocorrem no mundo. 
Focar a atenção em qualquer situação, implica na amplificação da mesma. A atenção focalizada ativa uma vibração correspondente à qual a Lei da Atração responde. 
É mantendo a atenção  que se aumenta o poder das coisas que você não quer. 
Em outras palavras, apesar dos pensamentos terem já em si uma potente força de atração, aqueles que são associados a uma forte emoção, são os mais poderosos. (Para o bem ou para o mal). 
Max Planck já havia declarado que não existe o conceito de "matéria", típico da cultura ocidental, porque a realidade é determinada por um fluxo não "corpóreo", ou seja, a energia que flui através da consciência. De acordo Plack, existe um campo universal que ele chamou "Matriz Divina" ou "Holograma quântico", que é o recipiente do Universal, um campo que reflete o que é criada no interior. Como em um holograma, cada pequena parte reflete o todo.

O átomo quântico consiste da energia que pode ser alterada Se for modificado o campo magnético ou o campo elétrico, o átomo também é modificado. O órgão que produz o campo elétrico mais forte é o coração (cem vezes maior do que o do cérebro), logo, com base no que o coração sente, as emoções e sentimentos podem produzidos efeitos sobre o corpo e sobre a realidade externa. Não existiria, portanto, o observador externo, mas o "participante" à realidade. Nós criamos a realidade, e a criamos com base nos nossos sentimentos e pensamentos, nossas crenças sobre o mundo e nós mesmos.
De acordo com o neurofisiologista médico e pesquisador Joe Dispenza, as emoções produzem "uma impressão química" (neuropeptídeo) produzida pelo hipotálamo, que transmite à hipófise a qual, por sua vez, insere no grupo sanguíneo, chegando por fim, às células. Portanto, as emoções negativas, raiva, ganância ou inveja, podem realmente, promover muitas doenças.
Consciência de massa.
Por que será que,quando a mídia relata certas noticias escabrosas, em geral, se percebe que  começam a ocorrer ondas de eventos semelhantes, em uma escala nacional? 
As noticias dos meios de comunicação incrementam e potenciam os acontecimentos desagradáveis, quando afirmam e repetem, em continuação, certos episódios e, desta forma, um número muito maior de pessoas se assusta com a perspectiva de que o mesmo possa acontecer com um de seus entes queridos ou a si próprios. Focando-se naquele evento, se contribue, involuntariamente, à criação e repetição de novos eventos similares.
O poder emocional dos indivíduos, na verdade, acrescenta grande influência em todos os eventos que acontecem no mundo. E este fenômeno é o que é chamado de
consciência de massa.
Quando se foca a atenção em uma coisa, a capacidade de atraí-la aumenta, consideravelmente.
Segundo a Lei da Atração, semelhante atrai semelhante. É comum notar um aumento de pessoas sofrendo de uma certa doença, quando a doença é constantemente apresentada e detalhada pela mídia.
Quando as pessoas permitem que a atenção se foque em uma série infinita de patologias difundidas em muitas estatísticas, isso influencia, sensivelmente, o aumento das doenças na sociedade.
Ao avaliar as estatísticas sobre o número de roubos em casas e apartamentos, logo após, verifica-se que uma onda de assaltos começam a ocorrer de forma contínua, como se por magia. O mesmo acontece com outros tipos de eventos como estupro, abuso em crianças, conflitos internos etc.
O fato é que, se muitas pessoas têm sido estimuladas por estes pensamentos e se deixam influenciar pelo medo, eventos desagradáveis continuarão a crescer mais e mais.
Advertências desse tipo não nos protegem dos infortúnios mas, ao contrário, aumenta a probalidade pois conseguem, e muito bem, a nos tornar hiper conscientes da propagação dos episódios, fazendo com que voltem constantemente à nossa mente. Dessa forma, não só conseguimos pensar com emoção, mas chegamos ao ponto até de esperá-lo.
As emoções afetam o nosso DNA
Há um antigo ensinamento, segundo o qual, para curar o mundo devemos ser nós mesmos, são essas as condições que realmente trazem a cura.
Isso já foi comprovado também, em pesquisas científicas: foi descoberto que as nossas emoções e sentimentos afetam o DNA, que por sua vez influencia os átomos e moléculas de quem está perto de nós.
Existe uma ligação profunda entre os nossos pensamentos coletivos, os nossos sentimentos e expectativas e a realidade externa.
Por causa da Lei da Atração, cada indivíduo é como um imã poderoso que atrai para si, a todo momento, aquilo que corresponde ao seu estado de humor. As manifestações contra a guerra, contra a violência sobre as mulheres e crianças, contra a devastação do planeta, serve somente a aumentar os casos de violência, já que nessas manifestações se concentra  uma quantidade considerável de energia e vibrações que os atraem.
Quanto mais os pensamento são ricos de detalhes, mais você presta atenção nele e, consequentemente,  torna-se sempre mais provável que você atraia o conteúdo. 
Quando não queremos algo, criamos uma emoção baseada no medo. Na verdade, o nosso medo alimenta realmente aquilo que nós afirmamos de não querer. Dizer somos contra a guerra, acaba dando força à idéia de guerra porque focaliza a atenção sobre ela. 
As manifestações devem ser sempre em 
favor de algo, mas nunca contra.
Nós podemos trabalhar em nós mesmos e sobre o mundo, estendendo nossa capacidade de consciência. 
Mudando a nossa consciência humana, podemos mudar e curar o mundo.
O Intelecto Programado - Cap. III


mercoledì 15 febbraio 2017

All’interno del fattore quantico è contenuto il segreto del viaggio interplanetario

Immagine Google

Quando l'Energia Quantica sarà riproducibile in laboratorio, si ridefinirà alcune delle forze fondamentali dell’Universo." Kryon

"La fisica quantistica si riferisce a come piccole particelle interagiscono tra di loro. Queste particelle sono troppo piccole, comprese le particelle di luce, le molecole di DNA e altri prodotti della teoria di onda-particella. Sarebbe questo ciò che i fisici chiamano di meccanica quantistica e si osserva solo nel mondo del molto piccolo. E questo è già un buon puzzle per loro.
La scienza, al momento, ritiene che la fisica quantistica riguardi il modo in cui piccole particelle interagiscono tra loro. Queste particelle sono piccolissime; sono persino particelle di luce, molecole di DNA e altri prodotti della teoria onda-particella. Questa è quella che voi chiamate meccanica quantistica e viene osservata solo nel molto piccolo.
E qui c’è già un rebus. La luce e altre materie passano regolarmente da onde a particelle. La luce si trasforma in particella quando viene osservata da un Essere Umano. Ora, come fa un sistema matematico a “percepire” che viene osservato? Sapete già che l’energia quantica potrebbe essere ben diversa da qualsiasi cosa aveste in mente. E se non fosse affatto fisica? E se l’energia quantica fosse “l’impronta digitale del creatore”? Sarebbe fisica e avrebbe anche una coscienza. Ma allora, forse, sarebbe troppo strano?” Kryon

Il Mistero della Grande Energia Quantica della Galassia - Ecco un Grattacapo per gli scienziati.
Vi darò delle informazioni su cui riflettere. L’energia quantica che vedete nel piccolo, avviene anche nel grandissimo. In effetti, ci spingeremo fino a dirvi che la fisica è veramente diversa nelle diverse parti dell’Universo, a seconda di ciò che si trova al centro di ciascuna galassia. Cominciamo da questa premessa – che la fisica non è una serie prestabilita di leggi universali. Essa varia a seconda dell’impronta quantica dell’energia creatrice di ciascuna. Alcune di esse sono molto simili, ma tutte differiscono leggermente. E, se poteste conoscere le differenze, vi chiedereste perché, e io ve l’ho appena detto – è quel che c’è nel mezzo.

Dato che la vostra fisica è principalmente 3D, avete un problema con il modo in cui funzionano veramente le cose. E la fisica quantistica è l’unico indizio che avete su di un multi-verso e sulla possibilità che alcune leggi di massa e gravità siano determinate da ciò che avviene nel centro di ciascuna galassia. L’energia della creazione è nel mezzo. Quell’energia bi-polare, quel tira/spingi che noi abbiamo chiamato “i gemelli” sono nel mezzo della vostra galassia. Voi lo vedete nella 3D come una singola cosa – il che, a proposito, è impossibile – ma in realtà è un evento doppio. La scienza ancora non lo sa. Perciò noi ve lo diciamo, in modo che, quando lo scopriranno, possiate dire di averlo sentito qui. Questo darà poi credibilità a tutto quello che sto per dire. A proposito, visto che nella vostra fisica tutto va a coppie, persino le vostre attuali leggi della fisica, com’è che create una singolarità nel mezzo della galassia? Nessuno ha mai pensato che quello potrebbe essere un altro paio?

Una domanda agli astronomi:
-Caro Astronomo, tu credi in Dio?
L’astronomo ci penserà un attimo e poi potrebbe rispondere
-Non sta a me definire la divinità. Non è la mia scienza. Io potrei credere in Dio, ma non è la mia materia di studio, perché io tratto il metodo scientifico.

Allora voi potreste invece chiedergli
-Va bene, che cosa vedi nella nostra galassia che sia scientificamente interessante?
Qui l’astronomo potrebbe entusiasmarsi un po’ e dire:
-Molto bene, ti dirò che cos’è interessante per tutti noi. Abbiamo scoperto qualcosa che non capiamo. Ci sono principi fisici, in cose grandi, che non si applicano alla meccanica celeste che si studia nella fisica Newtoniana ed Euclidea. È strano, per noi, che la galassia si muova come un'unica piattaforma, quasi come se le stelle fossero dei ciottoli incollati su di essa. Ruota tutto insieme. Dev’esserci una qualche sorta di energia che mantiene quella forma. Perché la meccanica celeste che noi conosciamo ha a che vedere con la gravità, la massa e oggetti orbitanti intorno ad un fulcro, come il nostro sole, ed essa crea orbite che sono tutte diverse. Tutti gli oggetti intorno ad un centro gravitazionale tracciano la propria orbita in base alla massa e alla velocità. Ecco perché tutti i pianeti hanno orbite diverse. È la fisica che ci aspettiamo. È quello che fa il nostro sistema solare. Ma non una galassia. Le galassie hanno qualche cosa al centro che deve basarsi sulla gravità, eppure tutto ruota intorno al centro come una cosa sola. C’è una specie di unità gravitazionale o di attrazione là. Non capiamo

Il Disegno Incredibile – Contro Ogni Probabilità
Ma non è tutto. Loro poi vi diranno qualcosa che non riuscirete a credere. Riguarda quella che voi chiamate casualità.
C’è qualcosa che non vi aspettavate e che sta succedendo tutt’intorno a voi. Nella vostra realtà tridimensionale, tutto quello che avviene sulla terra sembra essere in uno stato casuale. Cioè, la realtà reagisce secondo un’attesa curva a campana. Le cose comuni avvengono più spesso di quelle insolite. Le probabilità prendono la forma di casualità attesa. Se gettaste un dado migliaia di volte, vedreste una coerenza nella casualità che voi definite il modo in cui vanno le cose”. È quello che vi aspettate. Non c’è parzialità.

Tornando all’astronomo – l’astronomo sta dicendo:
- Ovunque guardiamo, esaminando quella che voi chiamereste “energia creatrice dell’Universo”, tutto è incredibilmente improbabile a livello matematico. Sarebbe come lanciare il dado e ottenere sei e poi sei e poi sei, per mille volte. È oltre il campo della casualità. Dimostra che deve esserci un “disegno intelligente”.
Ora, io non sto parlando di una persona metafisica. Sto parlando di un astronomo. Ovunque essi guardino, contro ogni probabilità, l’Universo è benevolmente disegnato per la vita. Loro hanno usato il termine “disegno intelligente”. Io uso il termine “disegno benevolente”. E vi dirò che l’energia che tiene insieme i sistemi solari della vostra galassia, oltre 100 miliardi di stelle, è una gigantesca mano quantica situata sopra le galassie del vostro Universo, come la mano di DioÈ una mano quantica e benevolente.

Come può essere?
È il primo di tanti esempi che vi porteremo, perché questo è il fattore quantico, la vera impronta digitale creatrice dell’Universo. Essa è incline all’amore, incline alla vita, incline alla benevolenza. Eccovi qui, su una terra che in realtà non dovrebbe esistere, perché la sola cosa che le consente di esistere è il disegno intelligente.

Sembra, ma non è per niente surreale!
Quanto ha impiegato la scienza a rendersene conto? Per loro è un rebus, non una dichiarazione divina. È fuori dalla statistica delle probabilità e sembra essere possibile solo per mezzo di un disegno – una benevolenza, che è l’energia creatrice dell’Universo. Pensateci. Che cosa significa per voi? Se c’è una benevolenza, in tutta la creazione dell’Universo, che consente la vita, che permette a questa terra di esistere, significa che esistono altre terreC’è vita dappertutto! Ve l’abbiamo detto molte volte.

Ecco un Grattacapo per gli scienziati
Quando questa energia quantica sarà riproducibile in altri laboratori, ci saranno (perché ci sono sempre) quelli che cercheranno di farne un’arma. Ecco qualcosa che dovreste sapere: Sarà la prima energia tra quelle scoperte, che non lo permetterà. Non può essere usata come arma, perché è benevola. Immaginate, un’energia quantica che è solo semplice fisica, ma che ha una propensione! Questo che cosa vi dice? Dovrebbe mostrarvi che sta succedendo qualcosa nella fisica delle alte energie, che è più della matematica e degli attributi della materia.
Col tempo, su questo pianeta si scoprirà il fattore quantico. Quando accadrà, sarà molto controverso e andrà contro la logica e la 3D e il modo in cui le cose funzionano con il metodo scientificoL’arrampicata verso tutto questo è difficile. Che cosa fareste, come scienziati, se gli esperimenti che avete davanti avessero “una mente propria”? Che cosa pensereste se il magnetismo, la gravità e la luce potessero essere assemblati solo in un certo modo, che creasse guarigione e mai in un allineamento distruttivoTutto questo ridefinirà alcune delle forze fondamentali dell’Universo.
Il disegno intelligente è solo il primo e, persino oggi, molti astronomi e fisici pensano ancora che sia un’anomalia.

Vi è stata inaccessibile, finora, perché occorre una coscienza a vibrazione più alta per crearla e comprenderla. Quando qualunque pianeta scopre un’energia quantica ed è in grado di usarla, si può andare su quel pianeta sapendo che si incontreranno entità di coscienza elevata. Questa non vi è mai stata data prima di quel momento, perché all’interno del fattore quantico è contenuto il segreto del viaggio interplanetario, utilizzando stati ampi e interconnessi. Ci sono modi per farlo che non avreste mai pensato potessero esistere. Potete gettare via i vostri razzi spaziali. Siete sull’orlo di questo.






mercoledì 8 febbraio 2017

O Fator Quântico - Uma benevolência que consente a VIDA em todo Universo!

Imagem Google
"É altamente improvável na vastidão ilimitada do universo que nós, humanos, estejamos sozinhos." Charles Bolden, administrador da NASA. 

Quando a Energia Quântica for reproduzível em laboratórios, irá redefinir algumas das forças fundamentais do universo!

"A física quântica diz respeito à forma como pequenas partículas interagem entre elas. Estas partículas são muito pequenas, incluindo partículas de luz, moléculas de DNA e outros produtos da teoria da partícula-onda e são tão pequenas, que precisa de um microscópio eletrônico para vê-las. Seria isto o que os físicos chamam de mecânica quântica e é observada somente no mundo do muito pequeno. E isso já é um bom quebra-cabeça para eles.
A luz e outras matérias passam regularmente de onda a partícula. A luz se torna uma partícula quando observada por um Ser Humano. Então, como um sistema matemático pode "perceber" que está sendo observado? Você já sabe que a energia quântica pode ser muito diferente de qualquer coisa que você tenha em mente, ok? E se não se tratasse de física? E se a energia quântica fosse a "impressão digital do criador"? Se trataria de física e também teria uma consciência, certo? Mas muitos de vocês achariam isso algo muito estranho, não?” Kryon

O Grande Mistério da Energia Quântica da Galaxia
A energia quântica que se vê no muito pequeno, se vê também no grandissimo. Na verdade, a física é realmente muito diferente em diversas partes do universo, dependendo do que está no centro de cada galáxia. 
Vamos começar desta premissa - que a física não é um conjunto de leis universais pré-determinadas. Ela varia de acordo com a impressão quântica da energia criativa de cada uma. Algumas delas são muito semelhantes, mas todas diferem ligeiramente. E, se você pudesse conhecer a diferença, você se perguntaria o porquê, e é o que eu acabei de dizer – se trata daquilo que está lá no meio.
Dado que a sua física é principalmente 3D, vocês têm dificuldade para perceber como as coisas realmente funcionam. E a física quântica é a única pista que vocês têm para o multiverso e a possibilidade de algumas leis de massa e gravidade sejam determinadas pelo que acontece no centro de cada galáxia. A energia da criação está no meio. Essa energia bipolar, o push/pull que nós chamamos de as gêmeas, estão no meio de sua galáxia. Vocês veem em 3D, como uma coisa única – o que é impossível – mas, na verdade, é um evento duplo. A ciência não sabe disso ainda. Por isso, lhes damos essa informação agora, para que, quando descobrirem, possam dar crédito ao que leram aqui e a tudo o que eu estou prestes a dizer. A propósito, já que na sua física, tudo vem em pares, até mesmo as leis da física atual, como você pode criar uma singularidade no mio da galáxia? Ninguém nunca pensou que isso poderia ser mais um par?

Uma pergunta para os astrônomos
-Caro astrônomo, você acredita em Deus? O astrônomo pensa um momento e poderá então responder: "não me compete definir a divindade. Não é a minha ciência. Eu poderia acreditar em Deus, mas não é minha área de estudo, porque eu trato do método científico".

-Então, modificamos a perguntar: o que você vê na sua galáxia que seja cientificamente interessante? Aqui, o astrônomo pode ficar mais animado e responder:

"Muito bem, lhe direi o que é interessante para todos nós. Descobrimos algo que não entendemos. Existem princípios físicos, em coisas grandes que não se aplicam à mecânica celeste que se estuda na física newtoniana e euclidiana. É estranho, para nós, que a galáxia se mova como uma plataforma única, quase como se as estrelas fossem pedras coladas sobre ela. Gira tudo junto. Deve haver algum tipo de energia que mantém essa forma. Porque a mecânica celeste que nós conhecemos tem a ver com a gravidade, a massa e objetos que orbitam em torno de um núcleo, como o nosso Sol, e cria órbitas que são todas diferentes. Todos os objetos em torno de um centro gravitacional traçam sua própria órbita, de acordo com a massa e velocidade. É por isso que todos os planetas têm órbitas diferentes. É a física que nós esperamos.Isso é o que faz o nosso sistema solar. Mas não uma galáxia. As galáxias têm algo no centro, que deve se basear na gravidade, no entanto, tudo gira em torno do centro como uma coisa só. Tem uma espécie de unidade ou atração gravitacional lá. Nós não entendemos

O projeto Incrível – Contra todas as probabilidades!
Mas não é tudo. Eles, então, irão dizer-lhe algo que você não vai acreditar. Tem a ver com o que vocês chamam de casualidade.
Esiste allgo que vocês não esperavam e que está acontecendo ao seu redor. Na sua realidade tridimensional, tudo o que acontece na Terra, parece estar em um estado casual. Ou seja, a realidade reage segundo uma esperada curva em forma de sino (Gaussiana). As coisas comuns ocorrem com mais freqüência do que as incomuns. A probabilidade toma a forma de casualidade esperada. Se você jogar um dado milhares de vezes, verá uma coerência na casualidade que você define "a forma como as coisas funcionam." É o que você espera. Não há parcialidade.

Voltando ao astrônomo que agora está dizendo: “qualquer parte que olhemos, considerando o que chamamos de "energia criativa do Universo“, é incrivelmente improvável matemáticamente. Seria como jogar o dado e obter seis, depois seis, depois seis, mil vezes. Está além do campo da casualidade. Demonstra que deve haver um "projeto inteligente". 

Agora, não é uma pessoa metafísica, mas se trata de um astrônomo. Onde quer que olhe, ele vê que, contra todas as probabilidades, o Universo è projetado generosamente para a vida. Eles usaram o termo "projeto inteligente". Eu uso o termo "projeto benevolente." E lhes direi que a energia que une os sistemas solares da sua galáxia, mais de 100 bilhões de estrelas, é uma gigantesca mão quântica que se assenta sobre todas as galáxias do seu Universo, como a mão de Deus. É uma mão benevolente, e quântica.

Como pode ser isso?
Este é o fator quantico, a própria impressão digital criadora do Universo. É propensa ao amor, propensa à vida, propensa à benevolência. E aqui estão vocês em uma terras que, na realidade, não deveria existir, porque a única coisa que consente a sua existência, é o Projeto Inteligente.
Quanto tempo foi preciso para que os cientistas se dessem conta disso? Para eles, é um enigma, e não uma declaração divina. É fora da estatística das probabilidades e parece ser possível, somente por meio de um projeto - uma benevolência que é a energia criadora do Universo. Pensem nisso. O que isso significa para você? Se existe uma benevolência, em toda a criação do universo que consente a vida, que permite a esta terra de existir, isso significa que existem outras terras. Existe vida em todo lugar! Já dissemos isso muitas vezes

Aqui está um grande enigma para os cientistas
Quando esta energia quântica for reproduzível em outros laboratórios, haverá aqueles (porque há sempre) que tentararão transformá-la numa arma. Porém, aqui está algo que vocês devem saber: Será a primeira energia a ser descoberta, que não permitirá isso. Não poderá ser usada como uma arma, porque é energia benevolente. Imaginem uma energia quântica que é física pura, mas que tem uma propensão! O que isso lhes diz? Deveria mostrar-lhes que está acontecendo algo na física superior, que é mais do que matemática e atributos da matéria.
Com o tempo, o fator quântico será descoberto neste planeta. Quando isso acontecer, será muito controverso e irá contrariar a lógica, a 3D, e o modo como as coisas funcionam com o método científico. A escalada para se chegar a tudo isso é difícil. O que você faria, como cientista, se os experimentos que tivesse realizado tivessem uma " mente própria"? O que você pensaria se a gravidade, o magnetismo e a luz só pudessem ser montados de um determinado modo, que criasse a cura e jamais um alinhamento destrutivo? Tudo isso irá redefinir algumas das forças fundamentais do universo.

O projeto inteligente é só o primeiro, mas muitos astrônomos e físicos hoje, ainda pensam que é uma anomalia.
Essa vai ser a próxima maior descoberta no planeta. Estava inacessível até agora porque é preciso uma consciência de vibração mais elevada para criá-la e compreendê-la. Quando qualquer planeta descobre uma energia quântica e é capaz de usá-la, pode-se caminhar sobre aquele planeta, sabendo que alì serão encontradas entidades de consciência elevada. Isto nunca lhes foi dado antes, porque dentro do fator quântico está contido o segredo da viagem interplanetária, usando estados amplos e interconectados. Há maneiras de fazer as coisas que vocês nunca pensaram que poderiam existir. Vocês podem jogar fora os seus foguetes. Vocês estão prestes a conseguir isso.




venerdì 3 febbraio 2017

Un Nuovo Modello cosmologico, mette in discussione la teoria del Big Bang


Nessun inizio, nessuna fine, ma un Universo in continua evoluzione, dove massa, tempo e spazio possono convertirsi l'uno nell'altro. Un Universo dunque, senza Big Bang e senza fine. Questo è il cosmo in cui viviamo, così come lo ha concepito e definito Wun-Yi Shu della National Tsing Hua University di Taiwan, che permette di risolvere molti problemi ancora aperti della teoria oggi comunemente accettata, che vuole che l'Universo in cui viviamo sia nato dal Big Bang. LaRepubblica 
Uno studio pubblicato sulla rivista Physics Letters B - realizzato dai ricercatori Ahmed Farag Ali e Saurya Das - mette in discussione la teoria del Big Bang.
L'età dell'Universo suggerita dalla relatività generale è di 13,73 miliardi di anni. A dare inizio a tutto fu il Big Bang, quando un singolo punto di densità e temperatura infinite (tecnicamente, una “singolarità”) esplose, producendo un'espansione dello spazio e del tempo. «La singolarità è il problema più serio della relatività generale, perché lì, le leggi della fisica perdono di significato», spiegano Ahmed Farag Ali. Focus.it
Secondo i due fisici, la singolarità può essere “risolta” dal loro modello, che rivoluzionerebbe quindi la teoria più accreditata: il Big Bang non esiste, l'universo non ha inizio e, conseguentemente, non avrà fine.

Convalidati, quindi, gli insegnamenti di Kryon che già da moltissimi anni viene informandoci che non ci fu nessun punto da cui è partita un’esplosione che possa giustificare il Big Bang.

Non c’è mai stato un tempo come questo sul pianeta, un tempo in cui vi si chiede di pensare fuori dai confini della vostra comoda realtà e di andare oltre la muraglia dei vostri naturali preconcetti.” Kryon

Kryon – 2008 (Avvenimenti Attuali)
Lasciatemi che vi parli della profondità di ciò che sono vicini a scoprire in questo prossimo decennio: riscriveranno lo scenario di come è nato l’Universo. Non c’è mai stato il Big Bang (come abbiamo discusso molte volte). Il concetto stesso di Big Bang è una spiegazione tri-dimensionale di un attributo interdimensionale. Gli Universi si creano ad ogni istante per un cambiamento dimensionale – quando una dimensione letteralmente collide con un’altra. E’ un grandioso evento quantico. E’ qui che avete tutte le caratteristiche che descrivete come Big Bang.
Il Big Bang non ha mai esistito, anzi, esiste tuttora!
“Gli scienziati hanno una linea temporale di questo evento. Come potete avere una linea temporale per un evento quantico? Non esiste il tempo nello stato quantico. Gli scienziati hanno capito che esiste un residuo misurabile che prova che hanno ragione. Permettetemi di chiedervi una cosa: cosa vi dice il profumo che sentite in cucina mentre il pane cuoce? Vi dice che
quattro milioni di anni fa lì si è cucinato del pane o dice sta cuocendo ora? È il preconcetto di un modo di pensare lineare in una sola dimensione temporale che, quando sente il profumo del pane, calcola quanto tempo fa è stato cotto! Non si capisce che l’evento quantico del Big Bang è ancora in corso. Questo spiega l’energia dell’espansione dell’Universo. Comincia anche a spiegare “l’energia di ciò che vedete”. Il “residuo” che gli scienziati misurano è la prova della realtà di un evento ancora in corso quando lo vedete nelle 3D, ma è un evento che è la realtà della creazione in uno stato quantico.
Il centro della vostra galassia emette la materia che è voi
Osservate la discrepanza 3D della teoria attuale: come potrebbe dal nulla venire qualcosa che poi, a una velocità superiore a quella della luce, si espande istantaneamente violando ogni legge della fisica conosciuta per creare in un nano-momento l’attuale massa dell’universo? Però il preconcetto di un modo lineare di pensare fa accadere tutto nella linea temporale di un istante... e così pensate di aver capito tutto.
Lasciate che vi dica una cosa che non vi ho mai, mai, descritto prima. Il centro della vostra galassia emette la materia che è voi. La scienza lo capisce al contrario. I
due gemelli al centro della vostra galassia conducono ai due gemelli che sono nel centro di tutte le altre galassie. Milioni di galassie, miliardi di galassie. Sono tutte collegate in un modo che non potete neppure immaginare, fuori dallo spazio, fuori dal tempo, come legami tra amici che hanno una coscienza. Non il tipo di intelligenza e coscienza che vedete nel vostro cervello, no. Si tratta invece di una colla buona e intelligente che dispone l’universo con l’amore. Questo è un concetto elevato e nobile, e molti – semplicemente – non sono pronti per esso.

Vi abbiamo detto che non ha senso che l’universo esploda da un punto centrale di creazione senza distribuirsi equamente. Vi abbiamo detto di osservare l’effetto del raggruppamento a dimostrazione che non ci fu un punto da cui è partita un’esplosione. Ma c’è di più, e ora vi diremo di cosa si tratta. Perché verrà il tempo in cui sarete in grado di posare i vostri “occhi” e i vostri telescopi su luoghi molti diversi e lontani. Uno di questi potrebbe anche essere un altro pianeta, e i vostri telescopi, osservando l’universo in modo stereoscopico come i vostri due occhi osservano il mondo, vedranno finalmente un’immagine tridimensionale di fronte a loro. Ciò che vedranno saranno delle strade apparentemente nere tra gruppi di materia stellare. Appariranno dritte linee di oscurità, che danno all’universo una direzione - gli danno simmetria - creando mistero sulla possibilità di una tal cosa: strade apparentemente fatte di nulla tra i vari raggruppamenti. Fateci caso. Succederà.
Quando entrerete in uno stato interdimensionale, inizierete a toccare il volto di Dio, l’energia creatrice dell’universo, un’energia che, invero, tende all’Amore.

Vi dirò qualcosa che sarà riconosciuta nel futuro. E quando la scienza confermerà ciò che vi dico oggi, voglio che leggiate l’intero messaggio perché allora il vostro fattore di credenza saprà anche che io dico il vero, riguardo il creatore dentro di voi. Il solo motivo per cui vi parlo di scienza è perché, in futuro, la vostra linearità e il vostro condizionamento farà il collegamento.

Le due leggi mancanti
La fisica è UNA e completa a prescindere da come la si percepisce. Tutte le leggi sono comunque lì... pronte per essere scoperte. Allora, ampliate il concetto e lasciate che vi chieda: quante dimensioni ci sono per voi? Ce ne sono più di quante ne conosciate, anche se voi siete consapevoli – e usate attivamente – solo le quattro che avete.
Le quattro leggi della vostra fisica funzionano ma ce ne sono di più. In passato vi abbiamo dato
altre due leggi di fisica, e non è questo il momento per rispiegarvele. Quando si entra nell’interdimensionale, si osservano delle energie multi-dimensionali che devono contenere più informazioni rispetto alla vostra fisica attuale. Ora avete quattro leggi; potete chiamarle newtoniane, euclidee, einsteiniane, se volete, e sono quelle che vi hanno portato dove siete oggi. Ora, però, osservate bene insieme a me la vostra galassia a spirale e guardatela muoversi. Non si muove come il vostro sistema solare.Le vostre leggi sugli oggetti in movimento sono condizionate da un pregiudizio 3D di consistenza. La scienza cerca leggi empiriche per trovare che, quello che lei crede vero, sia valido per tutto quanto. Ciò che invece gli scienziati non capiscono è che questo è un preconcetto. Funziona solo in un senso... nelle 3D. Se applicate le regole soltanto su un campo, quello del tempo, potete applicare la matematica lineare e da lì scoprire quel che vi serve. Tutto è in linea retta, va tutto in avanti, non cambia mai, sempre uguale. Si potrebbe dire che la vostra scienza tende a una coerenza semplice!

Ecco arrivare il libero pensatore che dice: La logica 3D o i preconcetti 3D non si applicano alle cose interdimensionali. Le leggi della forza debole e forte interdimensionale vanno oltre la comprensione 3D e possono vedersi come caotiche e incoerenti. Vorrei darvi un’ulteriore spiegazione. Il vostro sistema solare funziona come vi aspettate. Nel tipo di fisica che avete applicato a come si muovono le cose nello spazio, gli oggetti che sono più vicini al sole, per esempio Mercurio, si muovono più velocemente. Poi ci sono oggetti ben distanti dal sole che si muovono più lentamente (i pianeti esterni), qui entrano in gioco le leggi della meccanica orbitale. La distanza dal sole si sviluppa nelle leggi 3D della meccanica orbitale che si basa sulle regole che avete scoperto sulla gravità, la massa, la distanza e la velocità. E queste regole sono corrette... per le 3D. Ripeto, questo vi permette di inviare veicoli spaziali verso i pianeti, essere molto precisi, far sì che s’incontrino in orbita, raccogliere delle immagini e analizzarle.
Ora, guardate per un momento con me... non è così che si muove la vostra galassia. È un moto elegante che sfida la legge dell’inverso del quadrato (la legge che definisce come l’energia si disperde secondo la distanza dalla sua sorgente). Sfida le leggi fondamentali della gravità e della forza. Sfida le semplici e preconcette caratteristiche di come le cose si muovono nello spazio. Osservate con me la vostra galassia. Osservate la sua rotazione. Sembra come posata su un vassoio. Tutto si muove insieme. Tutto! Tutto ruota alla stessa velocità rispetto al centro... come una gigantesca ruota tutta collegata. Questo gigantesco vassoio si comporta come se tutte le stelle fossero dei semplici sassolini, in qualche modo incollati allo stesso tessuto dello spazio, muovendosi tutte insieme.

Il Mistero del Buco Nero
Abbiamo parlato delle forze interdimensionali debole e forte, quelle leggi cinque e sei della fisica che non sono ancora state scoperte. Il modo in cui si muove la vostra galassia dipende da ciò che al centro della galassia manifesta queste forze. Voi pensate che sia un buco nero , ma non lo è. È molto più di quanto potreste immaginare. Avete notato che in fisica c’è sempre la polarità? Dalla più piccola alla più grande struttura atomica, la polarità è sempre presente. Lo vedete anche nel magnetismo. Si cela anche nella gravità. È un punto fisso dell’energia che c’è dappertutto, dappertutto.
Ci sono sempre due tipi di energia che agiscono una contro l’altra e nel contempo insieme per creare la realtà dimensionale. La materia è una polarità della realtà, e l’anti-materia è l’altra. Cercate sempre “la repulsione e l’attrazione”, perché questo vi mostrerà come rispondere alle questioni più sconcertanti della fisica.
Nel centro di ogni galassia ci sono
due gemelli. Anche nel centro della Via Lattea ci sono due gemelli. Avete due energie: una spinge e l’altra attrae. Voi, tuttavia, vedete la cosa come un unico gigantesco Buco Nero. Presumete che la gravità del Buco Nero in qualche modo afferri la spirale galattica facendola girare tutta insieme su sé stessa in quel modo insolito che viola tutte le leggi di Newton. Non è così. Quel che succede nel centro della vostra galassia è stupendo. È un’elegante forza interdimensionale che non è la gravità, è una forza che si estende all’intera regione galattica, una forza che la tiene insieme come una colla, e voi non avete una legge che la spieghi... ancora. Inoltre, si nasconde una cosa con cui la scienza sta iniziando a confrontarsi soltanto ora.

Tutta questa spiegazione per definire un punto di partenza razionale perché possiate approcciare questo argomento veramente grande. Mettetela semplicemente così: quando entrate nella fisica interdimensionale, e questo comprende le energie di ciò che chiamate spiritualità, troverete qualcosa che non vi aspettereste: coscienza... fisica con una propensione.
L’interdimensionalità del vostro centro galattico ha coscienza. Deve averla. Tutto ciò che è interdimensionale è allineato con la creazione. Sto parlando di cose che forse non comprendete. Sono attributi concettualmente molto alti, a volte incredibili, che non sono mai stati affrontati in questo modo prima. Quando infrangerete il muro della logica lineare di ciò che siete soliti aspettarvi nella fisica lineare, v’imbatterete in cose che non hanno senso per i vostri preconcetti. Non avranno senso non solo perché sono in uno stato quantico, ma perché contengono qualcosa che la “coerente scienza 3D” non desidera accettare... l’intelligenza all’interno della fisica.