ES2

venerdì 9 settembre 2016

O DNA tem uma “Mente” e “SABE” tudo o que acontece em cada parte do corpo!



Luc Montagnier, Prêmio Nobel da Medicina em 2008, que descobriu a hipotética capacidade do DNA enviar uma espécie de impressão eletromagnética de si mesmo para fluidos e células, concluiu uma  experiência que é a prova evidente de um "teletransporte quântico do DNA". Além dos resultados deste teletransporte quântico, o pesquisador teria descoberto que certas enzimas podem recriar DNA, utilizando a impressão eletromagnética. Jeff Reimers, da "Universidade de Sydney, diz que, se os resultados deste experimento fossem concretos, tal descoberta iria revolucionar os conceitos da química moderna, abrindo estrada entre os experimentos mais significativos dos últimos 90 anos. Muitos pesquisadores reagiram com ceticismo à notícia, afirmando que não existem dados disponíveis para provar a verdade dessa descoberta. No entanto…

A energia que é invisível aparecerá com as novas tecnologias!
Kryon-2010: “Há muito mais no DNA do que aquilo que a ciência enxerga, e é pouco provável que a ciência, algum dia, veja o que vou informar. Existem componentes e atributos do DNA que são simplesmente invisíveis na terceira dimensão. Já lhes falei, em outra ocasião, que o que está faltando neste momento nos empreendimentos científicos, e que literalmente mudaria tudo, é um instrumento que possa medir o campo interdimensional. Uma vez que esse instrumento seja desenvolvido – e ele será – vocês terão a prova de tudo o que estamos falando. No momento em que esse instrumento for utilizado em várias coisas do planeta, inclusive na biologia Humana, haverá revelações na ciência, em todas as áreas. A energia que é invisível aparecerá ou, pelo menos, mostrará sua sombra. Então, aquilo que hoje é apenas conjectura, passará a ser real.
A interdimensionalidade está presente hoje, de inúmeras formas. A gravidade é uma força interdimensional. O magnetismo é uma força interdimensional. Até a luz tem componentes de interdimensionalidade… todos invisíveis e inexplicáveis para vocês, no momento. Mas, assim como tantas outras coisas, vocês os utilizam todos os dias, e seus corpos também  fazem parte deles. Deixem-me explicar-lhes algumas coisas, a fim de ampliar o que já lhes transmiti. Recapitularei resumidamente o que lhes transmiti antes, para poder esclarecê-lo melhor e falar sobre coisas que vocês ainda não ouviram.

No DNA existem atributos espirituais interdimensionais que são quânticos
Para vocês e para a ciência, a própria premissa do DNA é bioquímica. O que vocês têm no corpo, aquilo que vocês acreditam que seja responsável pelo projeto da sua vida, é totalmente explicável pela ciência, através de processos químicos e biológicos. Mas existem atributos no DNA que eu gostaria de discutir novamente. Existem atributos espirituais interdimensionais no DNA que são quânticos. Na verdade, a maior parte da química que vocês podem ver no Genoma Humano, está em estado quântico. Embora a ciência não consiga medir um estado quântico e nem o campo que o circunda, existem evidências disto no enigma do Genoma Humano.
Nós lhes dissemos que o DNA no corpo de vocês carrega consigo uma tremenda quantidade de informação e energia que não são vistas. Falamos do DNA como uma entidade, não como uma hélice dupla química. Isto quer dizer que, em cada um de vocês, todas as 100 trilhões de loop (laçadas) de DNA trabalham juntos como uma só energia e é o que representa o “seu DNA”. Este grupo é único. Tem que ser, porque é, absolutamente, cem por cento, você. Devido à “quanticidade” do DNA, ele pode conter uma grande parte da sua espiritualidade. O DNA contém não só o registro de tudo o que você já foi no planeta, mas também o seu relacionamento com Gaia, a energia consciente da Terra. Ele contém tudo o que você já fez e aprendeu, do ponto de vista espiritual. Estas informaç
ões estão literalmente impressas dentro de vocês. A sabedoria das eras está impressa no DNA. Ela é quântica e, portanto, vastíssima. Não é interessante que agora que a humanidade viu o Genoma Humano, perceba como ele é exclusivo? O DNA é totalmente único. Não existe nenhum Ser Humano que tenha o DNA igual ao de outro; nem mesmo os gêmeos idênticos que possuem somente menos de 5% idêntico.

No DNA estão os atributos do fragmento de Deus, o imprinting de quem somos.
A marca do seu Eu Superior está lá. O nome angélico o qual lhe chamo, está lá. Esse nome não é um nome na linearidade, nem um nome falado que provoca uma vibração no ar. É um nome que nós cantamos em luz e, quando falado, vibra com majestade. Esta é a verdade! A marca de quem você realmente è, está lá. Você carrega consigo fragmentos e partes da linhagem de um outro planeta e de outras áreas do Universo. A energia daqueles que ajudaram a semear em vocês a porção espiritual da humanidade (pleiadianos), também está lá. É apropriado. É maravilhoso, é amoroso. Tudo isso está no seu DNA. E para que esteja lá, tem que ser uma energia quântica.
Nota: Em um estudo, o Dr. Eugene M. McCarthy, afirma que o Homo sapiens pode ter sido o resultado de uma hibridização. Dr. McCarthy argumenta que, os seres humanos têm muitas semelhanças com primatas, mas também temos um grande número de características distintivas não encontradas em nenhum outro primata. Esta teoria revolucionária muda muitas coisas na comunidade científica, uma vez que empurra estudiosos a olhar para as origens da vida de uma maneira completamente diferente. O Prêmio Nobel de pesquisa de DNA, Dr. Francis Crick, acredita que um sistema tão complexo e elaborado de DNA não poderia ser o resultado do processo de evolução e que “algo mais" estaria por trás de tudo isso. Crick sempre acreditou que a vida na Terra fosse semeada por algum tipo de "panspermia guiada". A teoria controversa di Crick afirma que uma raça alienígena queria preservar a essência da vida e de sua espécie, decidindo assim, enviar para a Terra, as verdadeiras "sementes de vida".

Agora, falemos novamente sobre a biologia tridimensional. Quando o Projeto Genoma Humano terminou, todos os elementos químicos da hélice dupla tinham sido identificados. Naquela minúscula hélice dupla, três bilhões de partes químicas foram então conhecidas e identificadas. A molécula de DNA é tão complexa que possui três bilhões de partes químicas. Assim teve início a tarefa de identificar o que essas partes faziam, e a ciência começou a estudar a enormidade do que estava ali. Os cientistas estavam realmente olhando para aquilo que cria mais de 23000 genes Humanos. Então, procuraram as codificações lineares da proteína, para que pudessem entender como essas coisas funcionavam.

Uma das coisas que impedem de ver um estado quântico, é o paradigma da nossa realidade tridimensional
A ciência tinha esperado muito tempo para ver “o esquema em ação” e conseguiu vê-lo. Mas o choque veio com a constatação de que menos de cinco por cento do DNA criavam os genes. Na verdade, os cientistas enxergaram a linearidade e viram os códigos na porção de proteína codificada do DNA. Essa pequena porção criava os genes, mas o resto parecia ser aleatório, sem sentido e até caótico. Mais de 90 por cento do DNA pareciam ser confusos e inúteis. Parece aleatório e confuso porque não existe nenhuma linearidade a ser descoberta numa verdadeira realidade quântica – absolutamente nenhuma! Uma das coisas que os impedem de ver um estado quântico, é o paradigma de linearidade da sua realidade tridimensional. Assim, vocês realmente olham para algo que é quântico, mas, para vocês, o conceito daquilo que poderia ser, é invisível. Este atributo de falta de propósito do DNA não deveria ser tomado com superficialidade, pois a ciência está procurando por algo que é inexplicável. Imaginem, 90 por cento do DNA parece não fazer absolutamente nada! Os biólogos sabiam bem, mas, simplesmente, não tinham nenhuma explicação.

O DNA não é apenas química! Se trata de um campo e um portal
Vamos revelar algumas coisas que vocês precisam saber, muitas das quais acabarão sendo confirmadas. Quando forem, vocês se lembrarão onde as ouviram.
O DNA é muito maior do que vocês pensam, e até mesmo a ciência de hoje está começando a reconhecer que 90 por cento do DNA, que aparentemente não têm sentido, podem não ser, em absoluto, uma linguagem ou código. Em vez disso, podem ser o que eles chamariam dequímica influente”, algo que, de alguma forma, modifica ou configura os cinco por cento que constituem o motor do programa genético. A ironia aqui é que isto é exatamente o que acontece, mas não da forma que a ciência está enxergando.
Os 90% do DNA são um reflexo da vossa espiritualidade. O Registro Akáshico, o Eu Superior, aquilo que vocês procuram e chamam de “portal para o outro lado”, está lá… em estado quântico, pois estas coisas de fato não se encontram nas substâncias químicas. Pensem em todas essas substâncias químicas juntas como uma ponte, uma espécie de duto, um portal ou pista quântica para qualquer coisa. Em vez de pensarem de uma forma linear, que existe um compartimento ou uma caixa onde seu Eu Superior está, pensem, ao invés, num portal. Se pudessem ir lá e ver o estado quântico dele, vocês entrariam num duto que os leva a tudo que existe. Então, entendam que esta ponte química 3D/quântica, é um influenciador sagrado do genoma, e é muito grande, contendo a maioria das informações do projeto Humano de vida.

O Cérebro  não é o centro da consciência
Agora, deixem-nos falar sobre o DNA de um modo que nunca nos ouviram falar antes. Está na hora de vocês conhecerem o resto da estória.
A ciência considera o cérebro como o centro da consciência, mas não é. O cérebro, o mais elevado grupo neurológico ordenado que a ciência pode ver, é preenchido por uma sinapse complexa e por isto, os cientistas imaginam que ele deve ser responsável por aquilo que é chamado de consciência Humana. Mas não è bem assim. O cérebro é apenas o motor tridimensional que responde aos 90% de “quanticidade” do DNA. É o motor da sinapse e é infinitamente complicado. Mas é apenas o receptor de informações, para as quais cria sinais elétricos que agem conforme são instruídos e influenciados pelo DNA. Cem trilhões de partes do DNA trabalhando juntas, comunicam-se como uma só. J
á pensaram nisto? A ciência não sabe como isto acontece e o elo de comunicação entre a cabeça e o dedão do pé do Ser Humano, de alguma forma, tem um propósito. Isto se refere ao seu cérebro? Não, mas a todo o DNA junto, criando o Ser Humano. O DNA “sabe”. Todo ele trabalha junto. Isto não é uma coisa que se encontre nos livros de medicina, mas completa uma grande conexão que está faltando e para a qual a ciência não está dando nenhuma credibilidade. O DNA se comunica consigo mesmo! Ele tem uma “mente” e “sabe” o que está acontecendo em todas as partes do corpo de vocês.
A informação nova é que o DNA determina um “campo” ao redor de cada um de vocês, que é interdimensional.
É neste campo que está a sua consciência, não no seu cérebro. O que o seu cérebro faz está em sintonia com o DNA. Seu cérebro sonha… ou será que sonha? As sinapses estão lá para mostrá-lo. E no seu período de sono mais profundo, muitas coisas complexas vêm para fora. Essas coisas estão todas no seu DNA, e são fornecidas para o seu cérebro. Assim o DNA também fornece instruções e influência para a atividade onírica do seu cérebro. Estas coisas são difíceis de serem explicadas, já que não estamos falando de coisas lineares, mas daquelas que são quânticas.

Sonhamos em estado quântico – AQUI TEM O INCRÍVEL!
Todos vocês sonham em estado quântico. É por isto que não há linearidade e as coisas nem sempre fazem sentido. Aqueles que já faleceram e os que ainda vivem estão todos juntos nos seus sonhos, entretanto eles olham uns para os outros. Os sonhos não fazem sentido porque não estão na realidade com que vocês estão acostumados. Eles são o seu DNA falando… são o Registro Akáshico se manifestando e tocando “as gravações” para o seu cérebro. A ciência não reconhece isto pois não pode ver o campo, mas o DNA é a consciência Humana e o cérebro é simplesmente o motor tridimensional da sinapse, que fornece a ponte para a realidade de vocês.
“Kryon, há evidências disto?” Oh, sim, muitas. Quando um Ser Humano tem um acidente e a medula espinhal é completamente cortada, seu corpo fica inativo. Nesse estado paraplégico, não consegue mover nem um dedo. Entretanto, o coração continua batendo, não continua? A digestão continua, não é? Os rins e outros órgãos funcionam, não? Até a atividade reprodutora é possível! Tudo continua funcionando; entretanto, vocês aprenderam na escola que o cérebro envia sinais elétricos através da medula espinal e mantém seu coração batendo, não é? Bem, se a medula espinal estiver cortada, o que mantém o coração funcionando? Eu lhes direi – é o programa do DNA!
Quando o motor da sinapse se quebra, o DNA encontra outros caminhos e instrui o corpo para continuar com a força vital. É por isto que os órgãos continuam funcionando, embora os músculos não o façam. Interessante, não é? Existe uma prova aí, se vocês observarem. Os cientistas acham isto curioso. Portanto, vocês poderiam dizer que seu DNA é, de fato, um cérebro esotérico, etérico, que contém coisas que seu cérebro normal não contém. E estariam certosExiste toda espécie de atributos impressionantes no seu DNA, que estão aí para serem observados, e que a ciência atual nem sequer viu ainda.
Entendam isto: o DNA é mais do que química! É um campo e um portal. Estas coisas são os mecanismos do Espírito. Estamos começando a lhes dar informações avançadas. Alguns atribuíram geometria sagrada. E estavam certos. Mas é um campo.” Kryon


Nessun commento: