domenica 31 gennaio 2016

A riqueza é uma realidade mental



Da mesma forma em que o organismo, quando doente, procura a regeneração da saúde, assim também acontece quando a qualidade da nossa vida tende a adoecer. Desencadeia um natural mecanismo de auto-regeneração para restabelecer a condição do bem-estar mental e material. O fato de que, no caso da nossa prosperidade, isso não acontece frequentemente, é por causa dos nossos principios, convicções, crenças, adquiridos com o passar dos anos, que fazem obstáculo ao natural fluir do processo, se cristalizando em uma fase em que parece que o destino está sempre contra nós. O que precisamos é “recordar” de Quem Somos e nos apropriarmos das risorsas que já possuimos, alinhando nossas vidas com aquilo que somos desde sempre.

A Prosperidade è uma condição natural do Ser.

Isso significa que NÃO existe escassez, NÃO esistem crises, NÃO existem dificuldades, nem guerras, que possam impedir de se criar mais e mais riquezas, porque, antes de tudo, a riqueza é uma realidade mental. Essa dimensão mental é tão verdadeira quanto as letras dessas palavras que você está lendo aqui, ou como os objetos que se encontram em sua frente. Tudo são coisas que, antes de se manifestarem materialmente, foram pensadas, elaboradas, estudadas, projetadas e todas estas coisas nasceram de um pensamento associado a uma emoção, a estados de espirito que permitiram o salto dimensional para o plano material.
Por que, então, a maior parte das pessoas não consegue materializar seus pensamentos e desejos? A resposta está no processo SER-FAZER-TER.
Se você compreender esse simples processo, você verá se abrir infinitas possibilidades em todos os campos da sua vida.

Essa é a sintese, a estratégia, o procedimento das pessoas de sucesso de todos os tempos. SER-FAZER-TER. É um modo de operar e raciocinar que cria, não somente riqueza no plano co-criativo que se manifestará no plano material, sob forma de dinheiro e bens materiais, mas, também, no plano mental e espiritual, desenvolvendo um maior carisma pessoal, satisfação e um bem-estar que dura no tempo.
Então, o porque da maior parte das pessoas não obter o sucesso esperado ou a não manifestação material dos seus desejos, é simplesmente porque adota esses três elementos na forma inversa: HAVER-FAZER-SER. “Quando eu TIVER… vou FAZER… e entao vou SER assim ou assado!” Ledo engano. As leis naturais que colaboram para a manifestação material dos nossos pensamentos, funcionam aplicando os seus principios a nivel do SER que nos leva a agir (FAZER) e a ação se manifesta como resultados (HAVER).
Se não for usado nessa ordem, não funcionará por longo tempo, mesmo que você ganhe grande soma na loteria ou obtenha uma herança improvisa.

As pessoas se sentem realizadas porque “possuem”, mas sendo o SER quem produz e mantém a riqueza, o processo tende a se exaurir, tão rapidamente quanto foi obtido.
Crie pensamentos de abundância, antes de tudo, na tua mente. Pense na riqueza como parte de você mesmo, como uma energia vital, tal como é a energia da qual você é feito!
Usando uma postura mental de pessoa rica que você já é, desde seu nascimento, a manifestação material será uma consequência, não o contrário, e seja sempre grato pela riqueza dos outros.
Aspirações, desejos e uma relação harmoniosa, constantemente e persistentemente mantidos na mente, produzem resultados surpreendentes. Inveja, criticas depreciativas àqueles que são ricos e lamentações por ser pobre, não fazem parte da harmonia universal.

Para ser sintonizado com a Verdade Eterna, devemos ter equilibrio e harmonia interior. O pensamento é um produto da MENTE e a mente é criativa, mas isso não quer dizer que o Universal irá mudar o seu modus operandi para se adaptar a nós ou às nossas idéias, mas significa que, através de pensamentos sãos, nós podemos alcançar um relacionamento harmonioso com o Universal, e quando realizamos isso, podemos pedir QUALQUER coisa a que temos direito, e a forma de obtenção nos será clara e inconfundível.

Se torne rico, é esse o melhor meio de ajudar quem é pobre
A harmonia está, também, em você não fazer um exame atento da pobreza. As coisas não são criadas, pensando no seu contrário. Nunca será possível obter boa saúde, estudando e pensando na doença; e ninguém pode se tornar rico estudando e pensando na pobreza. Não fale de pobreza, não a analize, nem se preocupe com ela. Não se interesse pelas suas causas; não tem nada a ver com você. O que lhe interessa é a cura. Não passe o seu tempo se preocupando com obras de caridade ou de movimentos de beneficência; toda beneficência tende, unicamente, a perpetuar a mesma miséria que mira extirpar.

Não estou dizendo que você deve ser duro de coração e inclemente, deixando de ouvir o grito do necessitado, mas não deve procurar extirpar a pobreza de modo tradicional. Deixe para trás a pobreza, deixe para trás tudo aquilo que se refere a ela e faça fortuna. Se torne rico; é esse o melhor meio de ajudar quem é pobre. Você nunca poderá manter a imagem mental que fará com que se torne rico, se continuar a encher a mente com imagem de pobreza. Não leia livros ou jornais que forneçam resumos circunstanciados da miséria em que vivem os habitantes das favelas, ou dos horrores do trabalho de exploração de menores etc. Não leia nada que encha sua mente de imagens tristes de pobreza e sofrimento. Você não pode ajudar, em absoluto, os pobres, assimilando essas coisas; e a difusão de tais coisas não tendem de maneira nenhuma, a eliminar a pobreza. O que tende a eliminar a pobreza não é encher a mente dos pobres de imagens de pobreza, mas sim, de inserir imagens de riqueza na mente deles. Você não os está abandonando à miséria, quando não permite que a sua mente se encha de imagens daquela miséria. A pobreza poderá ser banida, não aumentando o número de pessoas ricas que pensam à pobreza, mas aumentando o número de pessoas pobres que se propõem, com fé, em se tornarem ricas. Os pobres não necessitam de caridade; eles precisam de inspiração. A beneficência dão a eles somente um pedaço de pão para mantê-los em vida na mesma miséria, ou oferece a eles um pouco de divertimento para distraíi-los por uma hora ou duas; mas a inspiração os farà emerger da miséria.

Se quiser ajudar os pobres, demonstrem a eles que podem se tornar ricos; dêem provas para eles, através do seu exemplo, se tornando rico, você mesmo. O único modo em que a pobreza poderá ser banida desse mundo, para sempre, é criar um vasto número, e em contínuo aumento, de pessoas que colocam em prática, esses ensinos. Às pessoas necessitadas, ensine-as a se tornarem ricas, através da criação, não através da competição. Cada pessoa que fica rica através da competição, faz cair atrás de si, a escada em que subiu, mantendo os outros em baixo; mas cada pessoa que fica rico através da criação, abre uma estrada por onde milhares de pessoas o possam seguir, e inspira essas pessoas a imitá-lo.
Não desperdice sua força de vontade para modificar ou obter o que pertence já a outros; a energia do seu pensamento tem o poder de criar turo o que você desejar. Use a sua força de vontade, sobre a visualização daquilo que deseja e, como por magia, se materializarà na sua experiência.
 Leia mais: Criando Abundância A Luta pela Sobrevivência énecessaria, ou é uma falsa crença? -(Capítulo XIII) 


Fonte: T. Harv Eker

Nessun commento: